sábado, 8 de abril de 2017

As férias da Páscoa com 4 putos em casa...



Começaram as férias da Páscoa e todos os pais com filhos em idade escolar fazem a mesma pergunta: "O que é que eu hei-de fazer com os miúdos durantes estes dias???"

É claro que há sempre hipótese de pôr a criançada toda num ATL, mas isso, normalmente, além de implicar custos elevados, também implica que os miúdos não ficam verdadeiramente de férias. Apenas trocam a rotina de ir para a escola pela rotina de ir para o ATL. 

É verdade que os conteúdos são diferentes, que a motivação é diferente, que, normalmente, há um lado lúdico nas actividades e que, de facto, é a forma mais fácil, para pais que trabalham, de ocuparem as crianças durante este período; mas, raios, não deixo de sentir que eles prefeririam ter este tempo sem rotinas, sem horários para acordar e sem obrigações. Afinal é para isso que servem as férias!

Como é que fazem, então, os Pessoashians, para ocupar toda a sua prole durante este período de férias??

Em primeiro lugar, há uma regra absoluta: Não ficar em casa!!! Não há ninguém que consiga manter-se mentalmente são com 4 miúdos fechados em casa durante 15 dias! Andam à porrada por tudo e por nada! A Sofia bate na Alice porque ela não lhe dá o comando da televisão, a Petra bate no Simão porque quer a chucha dele, e a Alice bate em toda a gente só porque sim! Esta dinâmica maravilhosa dura. aproximadamente, 13 das 14 horas em que estão acordados, e é sempre acompanhada de queixinhas aos pais e de pedidos de um julgamento sumário para decidir quem é que tem razão.

Não ficar em casa!!!!

Portanto, isso significa que eu e a minha mulher temos de nos organizar profissionalmente de forma a que um de nós tenha possibilidade de ficar com os míudos durante parte do dia. Também procuramos partilhar esta tarefa com os avós e com alguns amigos que também têm filhos na mesma situação (por exemplo: um dia são estes amigos que ficam com os miúdos e os levam a fazer uma qualquer actividade, no outro dia somos nós). Organizada a vida profissional dos adultos envolvidos (o que, reconheço, nem sempre é fácil), coloca-se, então, a grande questão: o que é que os miúdos vão fazer?
Bom, nós, por feitio, preferimos sempre actividades ao ar livre, e, vivendo no paraíso na terra que é a maravilhosa vila de Sesimbra, a praia (quando o tempo permite) é sempre uma grande hipótese. Não sendo possível a ida a praia, a 2ª hipótese passa por carregar o carro de bicicletas, trotinetas e patins em linha, descobrir uma bela esplanada no paredão de Sesimbra, e deixá-los fazer corridas à vontade (tirando uns dentes de leite, nunca aconteceu nada de muito chato...). Outro dos nossos programas preferidos é a ida ao Jardim Zoológico. Aqui já há mais custos envolvidos (as entradas são muito caras), mas a Petra e o Simão não pagam e há descontos para famílias númerosas (!!!). Passa-se um dia porreiro com direito a almoço hiper calórico no Mac!

De uma forma mais localizada, há também sempre a hipótese de se consultar as actividades propostas pela Câmara Municipal, pelas Juntas de Freguesia ou pela Biblioteca Municipal. Aqui em Sesimbra (e acredito que em todo o lado) estes organismos promovem um conjunto de actividades, workshops, caças ao ovo da Páscoa, etc., que podem ser engraçadas, não são caras, e permitem um dia diferente.

Não ficar em casa!!!!

http://www.jfregazeitao.com/2017/03/30/pascoa-2017-caca-ao-ovo/
http://www.cm-sesimbra.pt/frontoffice/pages/1045?event_id=1956
https://www.zoo.pt/site/
https://www.oceanario.pt/
http://www.cm-sesimbra.pt/cineteatro/